"; PlayWin.document.write(winContent); PlayWin.document.close(); // "Finalizes" new window // UniqueID = UniqueID + 1 // newWinOffset = newWinOffset + 20 // subsequent pop-ups will be this many pixels lower }

quarta-feira, dezembro 31, 2008

Carlos Drumond de Andrade - Receita de Ano Novo

Etiquetas: , , ,

domingo, dezembro 28, 2008

Solstício de Dezembro

22/12/2008 (M.R.)
Uma praia portuguesa, um Sol que teima em brilhar, uma orla de espuma rendada, um ténue sussurro que nos faz sonhar!

Etiquetas:

António Vilarigues - A Colômbia chumbou no exame da ONU

No passado dia 10 de Dezembro realizou-se em Genebra, na Suiça, a terceira Sessão do Conselho de Direitos Humanos da ONU. Em 2008 iniciou-se a aplicação do mecanismo do Exame Periódico Universal (EPU). Trata-se de um mecanismo para analisar a situação dos direitos humanos em todos os Estados membros do Conselho. Os 192 países, à média de 48 por ano, serão objecto do EPU. O que significa que cada estado será examinado de 4 em 4 anos.
  1. A Colômbia foi um dos países em exame em 2008. Contrapondo-se à visão do governo deste país mais de 1.200 organizações sociais e ONG de direitos humanos apresentaram um extenso relatório. Nele se faz um balanço demolidor aos 6 anos de regime de «segurança democrática» do Presidente Álvaro Uribe. Os factos e os números falam por si.

    Desde 2002 mais de 1 milhão e 750 mil colombianos foram deslocados à força, num total de 4 milhões de deslocados internos. Entre Julho de 2002 e Dezembro de 2007, pelo menos 13.634 civis (7 por dia…) perderam a vida, à margem de quaisquer combates, em consequência da violência sociopolítica. Destas 13.634 pessoas, 1.477 «desapareceram» de forma violenta. Em 8.049 casos o autor das violações é conhecido: 75,4 por cento são responsabilidade do Estado. Seja por actuação directa dos seus agentes – 1.411 vítimas, 17,53 por cento. Seja por tolerância ou apoio às violações cometidas por paramilitares – 4.658 vítimas, 57,87 por cento. O número de desaparecidos ronda os 30 mil.

    Os atentados à vida, à liberdade e à integridade física dos sindicalistas na Colômbia atingiram o número de 2.402. O assassinato de mais de 430 dirigentes sindicais só na vigência do actual governo, demonstra que não existe uma mudança estrutural na violência anti-sindical. O país é campeão do mundo em assassinatos de sindicalistas e de jornalistas: mais de metade dos sindicalistas assassinados em todo o mundo. Mantém-se a violência política contra os povos indígenas. Mais de 1.750 vítimas membros das suas comunidades são a prova.

    A situação de pobreza afecta 66 por cento da população colombiana. A indigência atinge outros 8 milhões de pessoas. A Colômbia ocupa o terceiro lugar nos índices de maior desigualdade na América Latina, depois do Haiti e do Brasil.
  2. As notícias mais recentes não alteram o quadro neste país da América Latina com uma superfície ligeiramente inferior à de Angola e com mais de 45 milhões de habitantes.

    O Presidente da Colômbia, Álvaro Uribe, enfrenta há meses uma crise política grave. Sessenta parlamentares da sua base de apoio estão presos ou incriminados num escândalo de corrupção, ligações com o narcotráfico e os paramilitares. Tem um primo e conselheiro político, Mário Uribe, preso pelos mesmos motivos. O Supremo Tribunal contesta a legalidade de sua reeleição em 2006, obtida mediante a compra de votos confirmado pela confissão da ex-parlamentar Ydis Medina.

    Mais recentemente o Presidente não conseguiu abafar outro escândalo provocado pela revelação de que o Alto Comando do Exército esteve envolvido no assassínio de jovens camponeses. Os seus cadáveres tinham sido apresentados à comunicação social como sendo guerrilheiros abatidos em combate. Soube-se depois que, numa tétrica e miserável encenação, lhes tinham sido vestidos uniformes das FARC. A indignação popular foi enorme. Os seus ecos chegaram ao Congresso. O comandante-chefe do Exército, general Mário Montoya, bem como 27 oficiais e sargentos implicados no crime, foram forçados a demitir-se.


Como já aqui escrevi, dizer que o governo Uribe é o mais à direita da América Latina dá apenas uma pálida imagem do seu posicionamento político e ideológico. O EPU das Nações Unidas confirmou-o.

António Vilarigues, A Colômbia chumbou no exame da ONU

Etiquetas: , ,

sábado, dezembro 27, 2008

Traducões e tradutores

  1. Ninguém certamente duvida que há muitos estrangeiros que visitam Portugal e que gostariam de tomar contacto com a nossa literatura na sua própria língua. Quem sabe, tais traduções não constituiriam um produto turístico valioso. É, no entanto, muito difícil encontrá-las tanto nas livrarias como nos supermercados. Não parece, contudo, muito difícil fazê-lo, atendendo a que todos os clássicos estão traduzidos em muitas línguas europeias ou não e também porque muitas edições de livros que se publicam actualmente são publicados desde logo em edições simultâneas em várias línguas.
    Louvável a todos os títulos seria que esta lacuna fosse superada num prazo tão curto quanto possível.
  2. Já que falamos de traduções, permito-me informar que estão abertas inscrições para concurso de admissão de tradutores para trabalhar na Comissão Europeia. São condições ter o grau de licenciatura e o domínio de três línguas europeias.

Etiquetas: , , ,

quarta-feira, dezembro 24, 2008

FELIZ NATAL E BOM ANO NOVO


Para toda a família, todos os amigos e para quem nos vem visitar uma nota de alegria com o fim de vos fazer esboçar um sorriso.
Dada a minha falta de disponibilidade é o que consigo escrever aqui para vos dizer que ainda por cá ando.
Abraço grande.

Etiquetas: ,

segunda-feira, dezembro 22, 2008

Contestação do modelo oficial de avaliação docente - Viseu

O distrito


Contestação do modelo de avaliação docente no Distrito de Viseu
(clique para ampliar)



Resineiro engraçado, engraçado no falar,
Eu hei-de ir à terra dele se ele me lá quiser levar.

Já tenho papel e tinta, caneta e mata-borrão
Pr'a escrever ao resineiro, que trago no coração.

Resineiro é casado, é casado e tem mulher,
Vou escrever ao resineiro quantas vezes eu quiser.


A cidade


Contestação do modelo de avaliação docente no Distrito de Viseu
(clique para ampliar)


Tonicha:

Resineiro engraçado

Resende


Contestação do modelo de avaliação docente no Distrito de Viseu
(clique para ampliar)


O amor de uma mulher por um jovem casado está patente em Resineiro engraçado (Cantares do Andarilho). Esta canção da Beira Alta apresenta um tema mais audacioso para um contexto popular, mas que mostra a sinceridade de uma mulher que está atraída por um jovem casado que tem muita graça na maneira de falar.
Helena Langrouva

Santa Comba Dão


Contestação do modelo de avaliação docente no Distrito de Viseu
(clique para ampliar)

Etiquetas: , , ,

quinta-feira, dezembro 18, 2008

Constestação do modelo oficial de avaliação docente - Aveiro

Rui Paiva:

Malhão de Águeda


O distrito
Contestação do modelo de avaliação docente no Distrito de Aveiro
(clique para ampliar)


A cidade
Contestação do modelo de avaliação docente no Distrito de Aveiro
(clique para ampliar)


Santa Maria da Feira
Contestação do modelo de avaliação docente no Distrito de Aveiro
(clique para ampliar)

Etiquetas: , , ,

quarta-feira, dezembro 17, 2008

Contestação do modelo oficial de avaliação docente - Porto

Rui Paiva:

Chula (Duarte Costa)


O distrito
Contestação do modelo de avaliação docente no Distrito do Porto
(clique para ampliar)


A cidade
Contestação do modelo de avaliação docente no Distrito do Porto
(clique para ampliar)


Gaia
Contestação do modelo de avaliação docente no Distrito do Porto
(clique para ampliar)


Póvoa de Varzim
Contestação do modelo de avaliação docente no Distrito do Porto
(clique para ampliar)


Santo Tirso
Contestação do modelo de avaliação docente no Distrito do Porto
(clique para ampliar)


Felgueiras
Contestação do modelo de avaliação docente do Porto
(clique para ampliar)

Etiquetas: , , ,

segunda-feira, dezembro 15, 2008

Contestação do modelo oficial de avaliação docente - Bragança

O distrito
Contestação do modelo de avaliação docente no Distrito de Viana do Castelo
(clique para ampliar)



A cidade
Contestação do modelo de avaliação docente no Distrito de Viana do Castelo
(clique para ampliar)



Mirandela
Contestação do modelo de avaliação docente no Distrito de Viana do Castelo
(clique para ampliar)

Etiquetas: , , ,

domingo, dezembro 14, 2008

Pela suspensão do modelo oficial da avaliação docente - Vila Real

O distrito
Contestação do modelo de avaliação docente no Distrito de Viana do Castelo
(clique para ampliar)



A cidade
Contestação do modelo de avaliação docente no Distrito de Viana do Castelo
(clique para ampliar)



Chaves
Contestação do modelo de avaliação docente no Distrito de Viana do Castelo
(clique para ampliar)

Etiquetas: , , ,

sábado, dezembro 13, 2008

José Gomes Ferreira - Acordai

Acordai
acordai
homens que dormis
a embalar a dor
dos silêncios vis
vinde no clamor
das almas viris
arrancar a flor
que dorme na raíz

Acordai
acordai
raios e tufões
que dormis no ar
e nas multidões
vinde incendiar
de astros e canções
as pedras do mar
o mundo e os corações

Acordai
acendei
de almas e de sóis
este mar sem cais
nem luz de faróis
e acordai depois
das lutas finais
os nossos heróis
que dormem nos covais
Acordai!


Poema:José Gomes Ferreira
Música:Fernando Lopes Graça
Texto:Universidade do Minho
Interpretação:Academia dos Amadores de Música

Etiquetas: , ,

Pela suspensão do modelo oficial de avaliação docente - Braga

O distrito
Contestação do modelo de avaliação docente no Distrito de Viana do Castelo
(clique para ampliar)



A cidade
Contestação do modelo de avaliação docente no Distrito de Viana do Castelo
(clique para ampliar)



Vila Nova de Famalicão
Contestação do modelo de avaliação docente no Distrito de Viana do Castelo
(clique para ampliar)

Etiquetas: , , ,

quinta-feira, dezembro 11, 2008

Pela suspensão do actual modelo de avaliação docente - Viana do Castelo

O mapa da contestação global não permite distinguir numerosas escolas que formam uma mancha de sobreposições inextricáveis. Assim iniciamos hoje a publicação do mapa distrito a distrito, começando por Viana do Castelo.
Contestação do modelo de avaliação docente no Distrito de Viana do Castelo
(clique para ampliar)



Como as escolas da cidade capital do Distrito ainda se sobrepõem, resta apresentar esta cidade em detalhe.
Contestação do modelo de avaliação docente no Distrito de Viana do Castelo
(clique para ampliar)

Etiquetas: , , ,

O Doutor Constâncio

O Doutor Constâncio disse que não se deve baixar os impostos porque não se sabe se as pessoas vão utilizar o dinheiro como poupança ou para pagar dívidas, quando afinal o que promove o crescimento económico é adquirir bens ou serviços, isto é, consumir. Isto reflecte, certamente, o pensamento de alguns economistas, o que é triste.
Também disse que não tem culpa de ganhar tanto, que até já disse que devia ganhar menos. Será?

Etiquetas: , ,

segunda-feira, dezembro 08, 2008

Uma União Europeia sem Alemanha?

Muito interessantes estes conciliábolos de Durão Barroso. Pela segunda vez num curto espaço de tempo, a Alemanha ficou de fora. Que estará a preparar-se?

Etiquetas: ,

sábado, dezembro 06, 2008

Manuel Ramos - Como resistir às ilegalidades do Ministério da Educação

Colegas e amigos,

Na sequência de mais um (nos últimos tempos penso que já recebi uns seis?!) e-mail não solicitado da DGRHE (por sinal na melhor das alturas, logo após a desmarcação das greves regionais e o acordo para uma reunião!!), e que abaixo reproduzo, resolvi consultar a lei (PDF Decreto-Lei n.º 7/2004, de 7 de Janeiro ).

Registei o que o art. 22 dizia no seu nº 6, fazendo por isso expresso pedido à mesma DGRHE e à ANACOM (usem a página com formulário para reclamações) solicitando ao abrigo desta disposição a minha remoção da lista de e-mails daquela entidade.

Caso assim o entendam, façam o mesmo, usando ou não o texto que lhes fiz:

Caros Senhores,

Nos últimos tempos a minha caixa de correio electrónico tem sido literalmente assaltada por e-mails enviados pela vossa instituição e para os quais não dei consentimento prévio. Mais grave ainda, as referidas mensagens não trazem conforme o Decreto-Lei n.º 7/2004, de 7 de Janeiro , art. 22, nº 6 (e é curial fazer-se em rodapé de mensagem), a possibilidade de permitir ao destinatário requerer imediatamente a remoção da vossa lista.

Em face do exposto, e ao abrigo da referida lei, concretamente do seu art. 22, nº 6, cujo texto transcrevo abaixo, agradecia desde já a remoção deste e-mail da vossa lista de destinatários.

Manuel Ramos

c/c à ANACOM


via A Educação do meu umbigo, 6 de Dezembro de 2008

Etiquetas: , ,

quinta-feira, dezembro 04, 2008

Publicações Impressas de outros tempos...

Biblioteca lusa entrega conjunto de publicações impressas!
Um conjunto de publicações impressas, entre jornais diários do Governo português, de 1778 a 1986, e livros será oferecido quinta-feira, em Luanda, à Biblioteca Nacional de Angola, pela Biblioteca Nacional de Portugal, no âmbito de um protocolo de colaboração das duas instituições assinado em 2006. De acordo com um documento da Biblioteca Nacional de Angola, a que a Angop teve acesso quarta-feira, durante a cerimónia a empresa ESCOM vai entregar à instituição um leitor de microfilmes avaliado em cinquenta mil dólares. Segundo o documento, o equipamento vai permitir a consulta de um conjunto de jornais microfilmados no âmbito do projecto "Memórias de Angola", que visa a recuperação, por parte da Biblioteca Nacional de Angola, mediante cópias digitais e microfilmes, dos documentos relativos a Angola, existente na instituição. Foram, ao longo de 2007, microfilmados os jornais ABC, Angola Norte, a Civilização da África Portuguesa, Comércio de Angola, Comércio de Benguela, a Província de Angola e Última Hora.

Brasil oferece Bolsas de estudo a Angolanos

Brasil oferece mais 144 bolsas a estudantes Angolanos.
Um grupo de 144 estudantes angolanos vai iniciar, em 2009, as suas graduações no Brasil com o apoio do Governo brasileiro, o que representa um aumento de 60 por cento em relação ao número de vagas oferecidas em 2008.Um documento, chegado hoje à redacção do Jornal de Angola, indica que os cursos foram oferecidos por várias universidades brasileiras de prestígio internacional. Os cursos mais escolhidos pelos futuros bolseiros angolanos no Brasil foram Engenharia (52), Gestão (16), Ciências da Computação (11), Arquitectura e Urbanismo (6), Direito (10), Medicina (5), Geologia (6), Relações Internacionais (8) e Economia (10).A deslocação de angolanos ao Brasil, por motivos académicos, é resultado de uma parceria entre o Ministério da Educação e das Relações Exteriores do Brasil. O projecto existe desde 1985 e já foram oferecidas cerca de 1000 vagas. Dos 144 candidatos, 123 contarão com o apoio do Instituto Nacional de Bolsas de Estudos de Angola (INABE). Os restantes contam com recursos próprios para a sua deslocação ao Brasil.

O Cavalo e o Porco


Um fazendeiro coleccionava cavalos e só faltava uma determinada raça. -Um dia descobriu que o seu vizinho tinha este determinado cavalo. -Assim, ele atazanou seu vizinho até conseguir comprá-lo. Um mês depois o cavalo adoeceu, e ele chamou o veterinário:

-Bem, seu cavalo está com uma virose, precisa tomar este medicamento durante 3 dias, no terceiro dia eu retornarei e caso ele não esteja melhor, será necessário sacrificá-lo.

Neste momento, o porco escutava toda a conversa. No dia seguinte deu o medicamento e foram embora. O porco se aproximou do cavalo e disse:

-Força amigo! Levanta daí, senão você será sacrificado!

No segundo dia, deram o medicamento e foram embora. O porco se aproximou do cavalo e disse:

-Vamos lá amigão, levanta senão você vai morrer ! -Vamos lá, eu te ajudo a levantar... Upa!

No terceiro dia deram o medicamento e o veterinário disse:

-Infelizmente vamos ter que sacrificá-lo amanhã, pois a virose pode contaminar os outros cavalos.

Quando foram embora, o porco se aproximou do cavalo e disse:

-Cara é agora ou nunca, levanta logo! Coragem! Upa! Upa! Isso, devagar! Óptimo, vamos um, dois, três, legal, legal, agora mais depressa vai... Fantástico! -Corre, corre mais! Upa! Upa! Upa!!! Você venceu Campeão!

Então, de repente o dono chegou, viu o cavalo correndo no campo e gritou:

-Milagre! O cavalo melhorou. Isso merece uma festa... -'Vamos matar o porco!'

*MORAL DA HITÓRIA* Isso acontece com frequência no ambiente de trabalho. Nem sempre alguém percebe quem é o funcionário que tem o mérito pelo sucesso. Saber viver sem ser reconhecido é uma arte, afinal quantas vezes fazemos o papel do porco amigo ou quantos já nos levantaram e nem o sabor da gratidão puderam dispor? Se algum dia alguém lhe disser que seu trabalho não é o de um profissional, lembre-se: *AMADORES CONSTRUÍRAM A ARCA DE NOÉ E PROFISSIONAIS, O TITANIC. Procure ser uma pessoa de valor, em vez de ser uma pessoa de sucesso!!!*

Comentário extraído e adaptado daqui:

Avelinus
03.12.2008
20:54
Portugal - Porto

Etiquetas: ,


hits: